noivasdepasserelle.com.br

Vestido de noiva de Pronovias. O vestido de noiva Noivas Casamentos Vestidos de noiva Fatos de noiva Vestidos de festa Fatos de festa Fatos de noivo
O vestido de noiva Vestido de noiva de <link http://www.noivasdepasserelle.com.br/resultados_da_procura/vestido/1/Pronovias////1/ - external-link-new-window "Opens external link in new window">Pronovias</link>.O vestido de noiva Vestido de noiva de <link http://www.noivasdepasserelle.com.br/resultados_da_procura/vestido/1/Pronovias////1/ - external-link-new-window "Opens external link in new window">Pronovias</link>.O vestido de noiva Vestido de noiva de Jesús Peiró.O vestido de noiva Vestido de noiva de Jesús Peiró.
  1. 1

Vestido de noiva de Pronovias.

Ações

  • Imprimir ou criar ficheiro
  • Ampliar imagem
 

Compartilhar

O vestido de noiva

Como surgiu?

Branco, bege, marfim, champagne, essas são só algumas das cores em que mais comumente se confeccionam os vestidos de noiva, mas como essa tradição começou? E por que o branco é a cor tradicional dos vestidos de noiva?
Para aqueles que não sabem, nas sociedades ocidentais, os vestidos de noiva, a 100 anos atrás, não eram brancos, mas pretos. E isso nos surpreende. Mas, na verdade, o branco não passou a ser a cor "oficial" dos vestidos de noiva até meados do século XX. Antigamente, era comum que as mulheres usassem no seu casamento uma roupa parecida à do dia a dia, só que confeccionada com um tecido mais especial, que podia incluir algum adorno. Os vestidos de noiva, tal como estamos acostumados a ver nas cerimônias de casamento, só começaram a ser usados no final do século XIX.
Na Idade Média, qualquer roupa podia ser um traje de casamento, apesar de que, normalmente, escolhia-se uma roupa com cores alegres, em que predominvava o vermelho. Já durante o Renascimento, os vestidos de noiva adaptaram-se à moda: as mulheres da nobreza vestiam roupas com bordados em ouro e prata, enquanto a das plebeias deviam ser reaproveitadas para o seu uso diário.
A moda dos vestidos de noiva brancos popularizou-se com a rainha Vitória da Inglaterra, em 1840, que escolheu um traje dessa cor bordado em ouro para casar-se com o príncipe Alberto. Posteriormente, as damas nobres optararam por vestidos nessa mesma cor, acrescentando véus de renda.
Atualmente, muitos estilistas decidiram adaptar costumes, tradições locais, folclore e até mesmo tendências de outros setores à moda nupcial, em que o branco vai dando lugar à incorporação de detalhes, tecidos e cores inéditos em toda a sua história. 

Ver outros artigos